Início Educação Sobre o encerramento das escolas – Raquel Varela

Sobre o encerramento das escolas – Raquel Varela

3797
1

Sobre o encerramento das escolas. Portugal tem a maior taxa de feminização da força de trabalho da Europa – é o país da Europa onde mais mulheres trabalham e a tempo inteiro, e, com frequência, em dupla jornada ou por turnos. Os homens em média ainda trabalham mais 4 horas fora de casa do que as mulheres. Os pais portugueses são os menos qualificados da Europa, aliás metade de força de trabalho tem em média o 6º ano de escolaridade. Não podem ajudar os filhos, nem pagar explicações. No sector da saúde trabalham, no caso dos enfermeiros, maioritariamente mulheres com uma idade média baixo dos 40 anos (37 anos) isto é, muitas com filhos pequenos. Também nas auxiliares trata-se de mulheres em grande parte. 10% de quem trabalha a tempo inteiro não consegue pagar contas normais e os filhos comem a refeição quente regular na escola. Ninguém os vai deixar em casa sós, se puderem vão meter baixa, como é óbvio. Ou deixá-los sós, o que significa que não aparecem no ensino online, estão a jogar jogos de computador. Finalmente, se muitas destas crianças vierem para casa ficarão…com os avós, o grupo de risco. Fechar as escolas é uma ideia excelente de quem não faz a mais pequena ideia da sociologia do país. Sim, há uma pandemia grave, há mortes trágicas a crescer – tanto em COVID como em não COVID – mas fechar escolas só vai trazer mais problemas. O vírus circula na comunidade imparável, não se rastreia nem se confina, não está na praia nem no postigo, está literalmente em todo o lado – tem que se requisitar todo o sector privado para garantir atendimento e cuidado a doentes COVID e não COVID, deixar de procurar bodes expiatórios para o falhanço total do Governo que viveu de propaganda e acções concretas nenhumas estes 10 meses. O PSD ao pedir o fecho das escolas aderiu a uma medida populista, que ignora que a larga maioria do portugueses não vive no Príncipe Real, não tem os filhos num colégio e uma ama/empregada a dias em casa. O umbigo do universo não é o nosso umbigo.

1 COMENTÁRIO

  1. esta menina devia estar numa sala de aula no secundario com 30 alunos , 40m2 de area e sem ventilacao durante UM DIA INTEIRO com pseudo intervalos… depois falavamos…

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.