Início Educação Qual o principal motivo de a vida dos professores estar cada vez...

Qual o principal motivo de a vida dos professores estar cada vez pior? – Carlos Santos

3343
0
Não sei como dizer isto de uma forma mais doce.
Que éramos um povo sereno de brandos costumes, já se sabia. De nos estarmos a transformar num povo resignado e apático, isso, eu não imaginava.
Estamos a 6 meses do pior momento da história na vida dos professores que irá acabar para sempre com a estabilidade que ainda ia permitindo que fizessem vida, pudessem ter uma família, casa e planear o futuro. A municipalização irá acabar com tudo isso para todos, novos, mais velhos, do quadro ou contratados.
Ontem escrevi um texto que partilhei nos Facebook de professores, onde alertei e simulei o que irá ser a nossa vida daqui por 1 ano (“1 de setembro de 2022”, é só procurar). O texto é longo, eu sei, mas se há tempo para tantas outras coisas, não há uns minutos para os professores tomarem conhecimento sobre o futuro das suas vidas?
Passamos a vida a falar mal da malfadada ministra Maria de Lurdes Rodrigues que iniciou o processo de destruição da carreira e da vida profissional e pessoal dos professores. Mas, então e nós…? Quando desde 2005 fomos avisados sobre aquilo que por aí vinha, o que fizemos a não ser ignorarmos os avisos?
A história repete-se e, invariavelmente, voltaremos a deitar as culpas nos outros desculpando-nos de que ninguém nos alertou, ou vamos estando sempre à espera de que haja alguém que faça alguma coisa por nós, enquanto permanecemos desinteressados como se o assunto nada tivesse a ver connosco.
Ora, foi com imenso desalento que notei um quase completo alheamento sobre esta minha tentativa de avisar sobre a catástrofe que se avizinha já para março.
Salvo algumas exceções, quase ninguém comenta nem quer saber. A mesma preguiça mental de que nos queixamos dos nossos alunos, está muito presente em nós. Uma frase, um cartoon ou uma imagem merecem infindáveis apreciações e comentários. Muitas vezes até tecem comentários despropositados com base apenas na leitura das “gordas”, pois dá trabalho ler os artigos. Noutras, vêm para aqui perguntar informações legislativas sobre concursos por terem preguiça de ler nem que sejam 2 páginas de notas informativas. Isto numa classe que deveria ser o suprassumo da cultura, deixa muito a desejar.
Estamos a caminho do desastre e ninguém quer saber.
A partir de março a nossa vida irá sofrer um terramoto e todos virão a público reclamar que ninguém os avisou.
Que isto, não servindo para mais nada, quanto mais não seja, que sirva como aviso.
Provavelmente quase ninguém irá ler isto (tem mais de duas linhas).

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.