Início Educação PSD quer ouvir especialistas na AR sobre recuperação das aprendizagens nas escolas

PSD quer ouvir especialistas na AR sobre recuperação das aprendizagens nas escolas

166
0

O PSD requereu esta terça-feira a audição na Assembleia da República de um conjunto de especialistas em educação para ouvir as suas opiniões sobre a recuperação das aprendizagens e o planeamento das medidas a tomar.

No requerimento enviado esta terça-feira ao presidente da Comissão de Educação, Ciência, Juventude e Desporto, o PSD pede a audição da presidente do Conselho Nacional de Educação, Maria Emília Brederode Santos, do responsável pelo estudo “The State of School Education: One Year into the COVID Pandemic”, publicado pela OCDE, Andreas Schleicher, e do coautor do artigo sobre o “Roteiro para uma resposta educacional à pandemia Covid-19”, António Gomes Ferreira, da Faculdade de Psicologia e de Ciências da Educação da Universidade de Coimbra.

O PSD quer ouvir ainda os autores do Estudo “Aprendizagens perdidas devido à pandemia: Uma proposta de recuperação”, Bruno P. Carvalho, Pedro Freitas, Susana Peralta e Ana Balcão Reis, bem como a coautora do projeto de investigação “Ensino e avaliação a distância em tempos de Covid-19 nos ensinos básico e secundário em Portugal” Maria Assunção Flores Fernandes, do Instituto de Educação, Departamento de Estudos Curriculares e Tecnologia Educativa da Universidade do Minho.

Para o PSD, “a relevância das questões atinentes à recuperação das aprendizagens e as que se colocam no planeamento das medidas a tomar merecem a preocupação“.

O PSD destaca igualmente que, de acordo com a OCDE, “Portugal destaca-se por não ter tomado, ainda, qualquer medida de fundo para contrariar os efeitos da pandemia nas aprendizagens” e, citando os “resultados do Estudo Diagnóstico das Aprendizagens, do IAVE”, o partido assinala “as dificuldades demonstradas pelos alunos nos níveis mais elevados e a performance inferior ao esperado em itens de nível mais simples nas três áreas que foram avaliadas, Leitura, Matemática e Ciências, tanto no 6.º como no 9.º anos”.

Tal como se constatou na última audição regimental do ministro da Educação, no dia 30 de março de 2021, apenas há uns dias o Governo decidiu constituir um grupo de trabalho que produzirá recomendações não vinculativas até ao final de abril”, lamenta ainda o partido.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.