Início Educação O primeiro-ministro avançou que a abertura das escolas será a primeira medida a tomar

O primeiro-ministro avançou que a abertura das escolas será a primeira medida a tomar

467
1

 

António Costa confirmou, esta sexta-feira, que não vai haver qualquer alteração nas medidas de confinamento e que “ainda não é tempo de desconfinar”. Ainda assim, o primeiro-ministro confirmou que no dia 11 de Março será apresentado um plano de desconfinamento.

O primeiro-ministro referiu que ainda não é tempo de o país desconfinar, porque todas as melhorias registadas nas últimas semanas são “relativas”. “Estamos melhor relativamente à pior situação que alguma vez vivemos nesta pandemia, mas, se compararmos, por exemplo, o número de novos casos que hoje temos com o número de novos casos que tínhamos em 15 de Setembro, quando declarámos o estado de contingência, ou com os casos de 4 de Maio, quando iniciámos o desconfinamento da primeiro vaga, verificamos que ainda temos um número de casos que é quatro vezes superior” a esses momentos, explicou ainda António Costa. “Ainda estamos longe de obter os resultados alcançados”, referiu o governante.

Tal como na anterior reunião do Conselho de Ministros, António Costa voltou a falar da importância da vacinação antes de desconfinar. “Temos como objectivo vacinar até final de Março mais de 80% das pessoas com 80 anos”, disse. O primeiro-ministro garantiu ainda, para o final do próximo mês, a vacinação integral de todos os maiores de 50 anos e menores de 65 anos com doenças associadas.

Ler mais em Público

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.