Início Educação Mais de metade dos portugueses acredita que Governo não fez o suficiente...

Mais de metade dos portugueses acredita que Governo não fez o suficiente para responder a reivindicações dos professores

24
0

A maioria dos portugueses (62%) acredita que o Governo não fez o suficiente para dar resposta às reivindicações, embora menos de metade (45%) concordem com as greves convocadas para o início do ano letivo.

As conclusões são da sondagem da Aximage para o Diário de Notícias, Jornal de Notícias e TSF. De acordo com este estudo, apenas 28% acreditam que foi feito o suficiente e 10% não tem opinião.

Relativamente às greves, 17% dos portugueses concordam totalmente e 28% concordam, perfazendo 45% das opiniões favoráveis. Entre os que estão contra (36%), há quem discorde (20%) e quem discorde totalmente (16%). Cerca de 18% dizem não concordar nem discordar e apenas 1% não tem opinião.

Os professores continuam a batalhar pela recuperação do tempo de serviço (os seis anos, seis meses e 23 dias que não são contabilizados para posicionamento na carreira), contra o excesso de burocracia e pelo fim das quotas nas classificações e de vagas no acesso ao quinto e sétimo escalões.

Depois de um ano intenso de contestações, a falta de resposta ou agendamento de novas negociações levou a classe profissional a organizar novas greves para o arranque do ano letivo. Isto quando, de acordo com as estimativas da Fenprof, os horários por preencher nas escolas estão a deixar mais de 90 mil alunos sem todos os professores.

A sondagem da Aximage baseia-se em 804 entrevistas efetivas, 696 online e 108 telefónicas. O trabalho de campo realizou-se entre 14 e 18 de setembro, com um erro máximo de cerca de 3,5%.