Início Editorial Desafio Aos Descontentes – Paremos As Escolas A 31 De Janeiro!

Desafio Aos Descontentes – Paremos As Escolas A 31 De Janeiro!

613
0

O desafio é simples e direto! Se estás descontente com o estado em que se encontra a Educação, faz greve a 31 de janeiro!

Bem sei que, quando se convoca qualquer greve, aparecem logo os “velhos do Restelo” a tentarem justificar o facto de não a fazerem!

Uns por ser à 6.ªfeira, outros por ser à segunda, outros por ser a meio da semana, outros por ser um só dia, outros por já terem dado muito para esse “peditório, outros por serem contratados e acharem que os benefícios são para os outros, outros porque até não estão mal e pior era no tempo em que não estavam colocados, outros porque aguardam as migalhas que o governo quer dar, outros porque não querem desagradar às chefias, outros porque só fazem se todos fizerem, outros porque o dinheiro faz falta, outros por estar frio ou calor…

Não vou julgar os colegas, mas peço que pelo menos consigam perceber o impacto que poderá ter uma greve em que a maioria das escolas fechem neste país!

Só assim poderemos ser levados a sério, mostrando força e união!

Olhem para o exemplo dos enfermeiros, para os motoristas, para os estivadores, para as forças de segurança, todos eles, com união, conseguem os seus objetivos.

E os professores?

Conseguem, apenas, dar sinais de enorme desunião, de enorme umbiguismo, de enorme falta de visão holística sobre o estado da Educação, e uma péssima lição de civismo para os próprios alunos.

Acredito! Acredito que o dia 31 poderá ser um dia de viragem, que alavanque todo um novo processo negocial e acorde os professores da hibernação que reina desde a derrota dos 9-4-2.
A Educação precisa dos professores!
Será que preferem manter o estado de letargia que assombra a Educação?
Ou será que conseguiremos fechar as escolas todas do país pelo menos por um dia?
Alberto Veronesi