Início Educação CENSURADO – Blogue Do Paulo Guinote Bloqueado Na Rede Social Facebook Após...

CENSURADO – Blogue Do Paulo Guinote Bloqueado Na Rede Social Facebook Após Criticas Ao Governo

502
0
O Professor Paulo Guinote é sem dúvida um dos mais esclarecidas no campo da Educação, diz-se que chegou a ser equacionado para Ministro…
Todos, aqueles que escrevem nos blogues, sabem que a censura vai-se sentindo aqui ou ali, infelizmente é mais comum do que se possa imaginar!
As ameaças, acusações e até mesmo a queixas em tribunal são mais habituais do que deveriam, uma vez que o que se escreve, está sempre dentro do limite da liberdade de expressão!
Quando se tenta calar alguém apenas se mostra que não se aceita a democracia e a liberdade de expressão no seu todo, apenas quando dá jeito!
É triste esta censura de opiniões!
Demonstro aqui toda a minha solidariedade com o Professor Paulo Guinote.
Suteb

Há pelo menos dez anos que o professor Paulo Guinote é autor de blogues, dos mais visitados em Portugal, onde publica de forma regular criticas às políticas seguidas pelos governos, sobretudo na área da Educação. A propósito do braço de ferro entre António Costa e os enfermeiros, Guinote publicou há dois dias um texto com críticas ao governo e aos sindicatos e, posteriormente, todos os textos do blogue ficaram bloqueados no Facebook. Isto porque a rede social recebeu denúncias sobre o conteúdo dos textos, que passaram a ser considerados como spam. 
Esta alteração aconteceu depois de o professor ter publicado no seu mais recente blogue “O Meu Quintal” um texto com o título “A Escalada Enfermeiros/Governo” onde considera que o conflito “assumiu uma faceta inédita entre nós nos últimos 40 anos”.
As críticas que incluíram os sindicatos de professores, que Paulo Guinote considera que – no caso dos protestos por causa do descongelamento do tempo de serviço – não levaram a “luta a sério” como os enfermeiros. “O que a contestação dos professores não conseguiu levar adiante, para além desta ou aquela iniciativa mais heterodoxa, está a acontecer com os enfermeiros que, goste-se ou não, estão a levar a sua luta a sério”, lê-se no texto.
Minutos após esta publicação, todos os textos de Guinote no blogue desapareceram e, até ontem à hora de fecho desta edição, continuavam bloqueados, contou ao i o professor que aguarda explicações ao Facebook.
Guinote conta que esta foi a primeira vez que foi bloqueado, mas que já tinha passado por alguns momentos de tensão com ameaças anónimas.
Fonte: Jornal I