Início Educação Ao Cuidado de ……. Sr Ministro

Ao Cuidado de ……. Sr Ministro

97
0

Ontem o Sr. ME na sua entrevista à RTP 3 manifestou uma grande preocupação para com as crianças/jovens e para com os seus EE. Referiu que se encontrava muito preocupado com a ansiedade que a Luta dos Professores estava a provocar nas crianças/jovens e com as aprendizagens que se poderiam estar a perder com os momentos de greve.
Sr. ME onde estava toda esta legítima preocupação:
• Quando crianças/jovens com Necessidades Especiais de Educação são colocadas em estabelecimentos de ensino sem professores do ensino especial, sem terapeutas e sem assistentes operacionais para os acompanhar e a única forma de os manter ocupados é colocá-los dentro de uma sala de aula com mais 20 crianças/jovens?
• Quando EE invadem os estabelecimentos de ensino e agridem professores e auxiliares, ao ponto de os mesmos terem de colocar baixa médica por um ano ou mais, deixando assim um número significativo de crianças/jovens sem assistência?
• Quando redigiu e assinou um despacho que alterou as regras de MPD o que levou à MORTE 4 professores e tem prejudicado gravemente a saúde de centenas de outros professores, privando assim centena s e centenas de alunos de terem aulas durante um longo período de tempo?
• Quando não existem professores a concorrer para certas zonas dos País, onde as crianças/jovens ficam sem aulas durante anos inteiros?
• Quando ao não descongelar a carreira e ao não acabar com as quotas no 5º e 7º escalão, leva centenas/milhares de docentes ao esgotamento emocional transformados em seres amorfos e apáticos?
Onde SR. ME, onde está a sua preocupação?

Nós professores, nós estamos preocupados.
• Estamos preocupados com o facto de vermos as nossas Escolas a serem transformadas em depósitos de crianças/jovens, para que os EE possam ir trabalhar.
• Estamos preocupados com a violência crescente e constante no ambiente escolar. Violência física e psicológica entre alunos e para com os assistentes operacionais e para com os professores.
• Estamos preocupados com o baixar da fasquia no ensino, com a diminuição do grau de exigência e de rigor, com o facilitismo crescente no ensino.
• Estamos preocupados com a destruição da Escola Pública camuflada através de “Pseudo-inclusão”, “Pseudo-equidade”, “aprendizagens essenciais”, …
• Estamos preocupados com o rumo da Liberdade que este País está a seguir. Onde começa a ser normal que possamos lutar pelos nossos direitos, desde que isso não incomode ninguém.
• Estamos preocupados com o nível de corrupção crescente sem qualquer consequência.
• Estamos preocupados que o nosso ME consiga mentir nos meios de comunicação como se isso fosse o mais normal dos normais.
Hoje Sr. ME, hoje é o dia em que os professores mais uma vez vão ensinar. Hoje vão ensinar como se LUTA, como se mostra a nossa Voz, como se conquista a LIBERDADE. Hoje Sr ME hoje é o dia 25 de abril da Educação.

Uma Professora ..