Início Educação Alunos e professores com computadores bloqueados e sem acesso à internet, denuncia...

Alunos e professores com computadores bloqueados e sem acesso à internet, denuncia associação

50
0

Os computadores entregues a alunos e professores estão a ficar gradualmente bloqueados assim como há estudantes e docentes a deixar de ter acesso à internet, revelou esta segunda-feira a Associação Nacional de Professores de Informática.

A Lusa falou com alguns professores que confirmaram que, na passada sexta-feira, começaram a surgir problemas pontuais em alguns computadores, que ficaram bloqueados, tendo esta segunda-feira surgido novos casos.

“Recebemos três computadores na sexta-feira que estavam bloqueados e em conversa com um colega percebi que não éramos caso único“, contou à Lusa uma professora de uma escola do norte do país, que pediu para não ser identificada.

Questionada pela Lusa, a Associação Nacional de Professores de Informática (ANPRI) explicou que o problema está relacionado com o não pagamento de uma licença de segurança.

Os alunos que mudaram de ciclo serão os mais afetados, segundo a presidente da ANPRI, que explica que o problema se está a notar mais nos computadores que estiveram “desligados durante o mês de agosto”.

Quando se tenta ligar o equipamento, surge uma mensagem avisando que o equipamento está bloqueado e que a licença de segurança de hardware expirou, em vez de aparecer o habitual código de desbloqueio.

Os casos vão surgindo de forma gradual, conforme vão passando 30 dias desde a ultima autenticação, segundo a presidente da ANPRI, que sublinha contudo que “o software de segurança de hardware CUCo afeta todos os kits da escola digital de alunos e professores, bem como os computadores que chegaram às escolas para gestão e serviços”. Além deste problema, alunos e professores estão a ficar sem acesso à internet, revelaram diretores escolares.

A ANPRI revela ainda que há alunos e professores que deixaram de ter acesso à internet: “Os Kits Escola Digital contêm um cartão de dados móveis, com o qual alunos e professores acedem à internet, que foram distribuídos pelas três operadoras. Neste momento os cartões de dados da Vodafone estão a ser desativados”, avançou a presidente da ANPRI.

Segundo Fernanda Ledesma, “este problema, por enquanto, afeta somente os alunos e professores que têm Kits com os cartões de dados desta operadora”. A Lusa questionou o Ministério da Educação sobre estas duas situações e a tutela explicou que “já desenvolveu as diligências necessárias para que sejam resolvidas com a maior brevidade as situações relacionadas com licenças e conectividade, cujo concurso público internacional está a decorrer”.

Observador