Início Educação ACELERADOR DE “PARTÍCULAS” DL 74/2023- CARLA GOMES

ACELERADOR DE “PARTÍCULAS” DL 74/2023- CARLA GOMES

42
0

Aquando das primeiras impressões sobre o famigerado diploma, Tiago Estêvão Martins, deputado socialista, anunciava aos quatro ventos:
“Este acelerador da progressão na carreira dos professores é, naturalmente, um passo importante!”
Já do outro lado da bancada reagiam reduzindo à “ total insignificância” a medida anunciada!
E o diálogo eloquente, típico da Casa da República, prosseguiu com uma outra lasca de Tiago Estêvão Martins:
“Podemos fazer a discussão olhando para o copo meio cheio, para o copo meio vazio, mas vocês escolhem dizer que nem existe sequer copo!”
E não é que não existe mesmo???!!!!!
Passemos à análise do sublime “acelerador de carreira”, que de tanta polvorosa me tem provocado no corpo, decidi apelidá-lo de “acelerador de partículas”!
Comecemos pelo relevante objetivo definido pelo governo: soluções para acelerar a progressão da carreira dos docentes mais afetados pelos efeitos dos congelamento.
Mas será que os efeitos não são comuns a todos os educadores/professores, não tivessem eles desempenhado funções durante esse período? Jogar com as palavras serve para entreter, distrair, ganhar tempo e quiçá, enganar alguns tolos, mas o foco deste diploma é uma classe pensante da sociedade! Azar!
Tiro ao lado!
Mas de resto, foquemo-nos nas ditas “partículas do acelerador” !
Espalham-se estas migalhas para dar mostras à população que o governo demonstra vontade e espírito de resolução dos impasses da “negociação”! Focados em desmoronar a luta dos professores, adotam a ideia de “dividir para reinar”!
Aprontam então um leque de condições de admissão ao diploma! Sim, sim!!!
Afinal, não é para qualquer educador/professor!
No ensino há que passar por uma seriação e eis, que alguns conseguem nota positiva e apelidam-se “admitidos ao acelerador”. Mas não basta!
Agora, definem-se um conjunto de situações de carreira onde os professores, após leitura atenta terão que se enquadrar: é o chamado “algoritmo do acelerador”. Ou seja, caso o professor tenha tido o malfadado azar de ser empurrado para uma lista de espera aos tão desejáveis 5 ou 7 escalões, porque este empurrão tem funcionado como um congelamento encapsulado, então reergue-se do limbo e reinicia a sua tão aguardada carreira profissional e remuneratória! Afinal, estes “professores em lista” não recuperam nenhum tempo dos 6623 mas apenas o tempo que estiveram em banho maria!
Desenganem-se quem anda atarefado com simuladores ministeriais!
Mas, e aqueles bafejados pelos “ bons ares” de uma profícua avaliação que lhes atribuiu mérito para escaparem às listas? Esses sortudos, após consulta do “algoritmo do acelerador”, deparam-se com novas condições de admissão que, de tão rebuscadas no seu texto, exigem esclarecimentos adicionais, acompanhados de exemplos práticos, para que não restem dúvidas aos professores, que lamentavelmente andam a revelar dificuldades de interpretação de textos! Fortimel para todos!
E aqueles que estão no 8 e 9 escalões e conseguiram escapar dos filtros ministeriais entre as pingos da chuva? A esses irá ser encurtada a duração do escalão em 1 ano!
Afinal, estes “professores em lista” não recuperam nenhum tempo dos 6623!

E muito ainda há para analisar pois o “algoritmo do acelerador” está repleto de casos e casinhos, para tentar adivinhar todas as nuances da progressão destes malfadados professores, que nem assim, decidem parar com as assombrações ao Ministro!
E assim, incrédula com o cinismo que se pressente em cada linha deste diploma veio-me à cabeça, num ímpeto de loucura, o tal nome mais apropriado: acelerador de partículas!
Quem luta por uma verdadeira Escola Pública com alunos e profissionais felizes e valorizados, não pode estar indiferente! Este acelerador não é mais do que um dispositivo que concentra grande energia em pequeno volume (ver definição na física). E esta energia é o que mobiliza os professores para a continuada luta pelo futuro de um país!
E assim se vive num país, sem visão de futuro e sem capacidade de investimento, mas com a ideia fixa de maltratar os profissionais de educação deste país! Mas o acelerador de partículas veio impelir uma força à luta!

 

Carla Gomes