Início Educação A nova geração de Concursos e ECD

A nova geração de Concursos e ECD

7453
1

Há ainda quem não se tenha apercebido do que aí vem…continuam hesitantes em lutar convenientemente… não será por falta de avisos

#Concursos e ECD

 

O futuro do fim da carreira docente e do ECD!

 

– Extinção do concurso nacional por graduação para serem criados procedimentos concursais (com recurso a entrevista, por exemplo…);

 

– Criação de Mapas de Pessoal com duração de um ano (com criatividade, não me admiraria que depois fossem alterados em qualquer altura do ano…), tornando, em meu entender, os QA e QZP em Mapas de Pessoal Interunicipais (MPI)

 

– Acabar com os quadros como conhecemos (QA passam a MPQA; QZP passam a MPI; passando para as Comunidades Inter Municipais a área geográfica de colocação…);

 

– Fim da Mobilidade Interna (MI) e do Destacamento por Ausência da Componente Letiva (DACL);

 

– Colocação de professores por um Conselho Local de Diretores;

 

– Pagamento a professores ao abrigo de fundos europeus para projetos;

 

– Implementação a fundo dos projetos de interesse local previstos no decreto-lei 55 de 2018, em ligação com os fundos europeus;

 

– Colocação de professores e/ou técnicos através das Câmaras para esses projetos, financiados a nível europeu;

 

– Num agrupamento, nenhum professor estará a salvo, pois para entrarem técnicos das Câmaras, ficam professores a mais, sendo depois alocados (é o termo utilizado) a outros agrupamentos da CIM pelo Conselho Local de Diretores;

 

– Estas medidas são para todos os professores e não, como poderão alguns pensar, para os que entrarem depois.

 

Ou seja, temos de estar alerta, informar os colegas e procurar mais informação e perceber que o fim do nosso futuro está muito próximo!

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.