Início Editorial A Fábula dos professores

A Fábula dos professores

889
0

Gostava hoje de vos apresentar um desafio.

Imaginem o seguinte cenário e perante o cenário imaginário terão de tomar uma decisão, mas primeiro terão de ouvir as propostas dos concorrentes.

O cenário é o seguinte: imagina uma empresa da qual tu eras proprietário, queria, no entanto, contratar alguém que a soubesse gerir pois tu eras investidor não gestor. Querias que os teus funcionários recuperassem 9 anos de tempo de serviço, sem retroativos, reposicionando-os financeiramente, mas sem falir a empresa.

Fizeste três entrevistas, apresentaste a situação e os entrevistados teriam de explicar o que fariam para que os funcionários fossem reposicionados sem falir a empresa.

O primeiro disse que no dia seguinte à contratação todos os funcionários seriam reposicionados e receberiam em concordância. (A ideia era boa, mas utópica, empresa falia)

O segundo disse que o conseguiria fazer em três anos, podendo ser através de reposicionamento ou através de reformas antecipadas sem prejuízo, ajudando com isso ao rejuvenescimento dos trabalhadores. (Empresa seria sustentável e trabalhadores veriam o seu esforço reconhecido, apesar do tempo que demoraria)

O terceiro diz que não é possível e por isso não se compromete a recuperar mais do que um terço do tempo em reposicionamento.(os trabalhadores ficariam descontentes de tal forma que a produtividade baixaria muito, funcionários com baixa, absentismo, perda de confiança entre patrão e funcionário.)

Ao analisares as propostas quem contratarias?

Temos três gestores o utópico, o realista e o indecente!

Tirem as vossas conclusões…