Início Notícias Autarquia do PS vende escola ao grupo GPS

Autarquia do PS vende escola ao grupo GPS

643
1

A história do grupo de escolas privadas GPS sempre foi marcada por  polémicas: por ter sido criado por políticos com ligações ao PSD e PS, por ter crescido muito em pouco tempo, criando cerca de cinquenta colégios e outras empresas em dois anos, por ter sido campeão em receber dinheiro público entre 2013 e 2016, por os seus gestores enfrentarem julgamento por burla qualificada, falsificação de documentos e peculato. Recentemente, também por a Polícia Judiciária ter encontrado barras de ouro no jacuzzi do seu presidente, o ex-deputado do PS, António Calvete, acusado de lavagem de dinheiro na ordem dos 900 mil euros.

É a este grupo que a Câmara Municipal da Mealhada vendeu a Escola Profissional Vasconcellos Lebre por 491 mil euros. O Bloco de Esquerda de Aveiro indigna-se com o negócio e exige a sua suspensão. Diz que esta escola, em seis meses, passou de ser vista como a “ menina dos olhos” da autarquia a um “fardo financeiro”. E não compreende como Rui Marqueiro, o presidente da Câmara, se queixa agora da falta de condições para manter a escola na sua alçada, uma vez que “o financiamento de que se queixa ser agora insuficiente é o mesmo que está consignado na lei há muito tempo. Se há seis meses não a leu com atenção, isso revela duas coisas: impreparação e incompetência”.

O partido anuncia que procurará na Assembleia Municipal obter respostas sobre que valor pagou a Câmara, quando adquiriu as quotas da escola, quanto dinheiro investiu nela, qual era o montante da sua dívida nessa altura, em que situação ficarão os seus trabalhadores e se fez despedimentos antes desta venda.

Fonte: esquerda.net

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.