Início Educação Poder de opção de escolha aos pais/ E.E. entre o ensino em...

Poder de opção de escolha aos pais/ E.E. entre o ensino em casa online e o ensino presencial

670
0

Com pedido de divulgação…


É na qualidade de mãe e encarregada de educação que faço esta petição. Pois é com grande preocupação que vejo a abertura das escolas a ser programada para setembro. Parecendo até uma grande contradição de ideias, tendo em conta o que foi feito em março quando cá chegaram os primeiros casos de Covid-19. Na altura defendeu-se a ideia que tinham de ser protegidas as crianças e os seus familiares. E agora querem colocar todas as crianças nas escolas. Todos sabemos que mesmo que se reduza o número de alunos por turma é impossível respeitar a distância de segurança e não esqueçamos do mais recente alerta, da OMS, em relação à propagação do vírus pelo ar. Não compreendo, que agora que tudo está pior, se coloquem os alunos e os seus familiares em risco. Sim, porque pessoas em grupo de risco também têm filhos, e se algo lhes acontece, quem toma conta destas crianças?… É impossível cumprir todas as regras entre crianças, todos nós sabemos, só não vê quem não quer.

Pré-escolar: como conseguem compreender as regras impostas e cumpri-las, com tão pouca idade.

1º ciclo: como se vão conseguir proteger deste vírus, conhecendo os recreios das escolas, crianças desta idade, brincam, agarram-se, não têm capacidade para tanta informação. Ao mesmo tempo, estudar, aprender, proteger-se e o medo do vírus que também os assombra. Haverá capacidade de conseguir aproveitamento escolar? E sem máscara? O vírus já não lhes pega?

2º, 3º ciclo e Secundário: como funciona uma escola cheia de alunos, algumas delas com perto de 1000 alunos, andando por corredores apertados, aglomerados de alunos, onde fica o distanciamento? O vírus que se propaga no ar? Alunos cruéis uns com os outros, toda agente sabe, só não vê quem não quer. Uns vão cumprir, outros não, acabando por ser os que cumprem o elo mais fraco. Como vai ficar o psicológico dos nossos filhos! Enfrentando gozos por parte de colegas que não cumprem as regras. Já não falando das filas intermináveis nas cantinas, nas entradas e saídas de portões, nos bares das escolas e papelarias e autocarros, muitos desses autocarros cheios, não só com crianças ou estudantes. Como vai ser? Esta é a realidade, como vamos mandar os nossos filhos de tenra idade para esta guerra?

E os professores? Um risco a cada aula que dão, trabalhando em espaços fechados cheios de alunos. Muitos dos professores já com alguma idade e doentes de risco. Pessoal docente e todo o corpo de uma escola também em risco. Se já antes de tudo isto não haviam auxiliares suficientes nas escolas, querem fazer-nos acreditar que agora será diferente!

Mesmo agora sem aulas, todos os dias aparecem notícias de escolas ou infantários em isolamento por aparecimento de novos casos. E alertas para sequelas de vários tipos, em doentes já recuperados, principalmente a nível neurológico.
Compreendo que o ensino é de extrema importância, mas sem dúvida que a saúde é mais importante.

Os Jovens são o futuro, por isso apelo a todos que assinem esta petição no sentido de que possamos ter o direito de decidir se queremos o ensino em casa online como no 3º período do ano letivo 2019/20 ou o ensino presencial das nossas crianças.

Assine aqui

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.