Início Educação Indisciplina de jovens gera SETE MILHÕES de despesa complementar ao estado!

Indisciplina de jovens gera SETE MILHÕES de despesa complementar ao estado!

95
0

Gastam mais os jovens”indisciplinados”, com menos de 16 anos,  que os reclusos! Surpreendentemente os dados são claros e parece que ninguém os quer analisar com clareza e pegar no assunto seriamente.

«Por dia, cada menor internado num centro educativo gasta ao Estado 137,34 euros PRISÕES Reclusos adultos nas cadeias portuguesas custam em média 60 euros diariamente.»
«Cada um dos jovens internados em centros educativos por crimes cometidos custa ao Estado uma média diária de 137,34 euros. Os dados fornecidos ao CM pela Direção-geral de Reinserção e Serviços Prisionais especificam que 153 jovens estão espalhados por sete centros educativos – sendo 136 do sexo masculino e 17 do sexo feminino. Feitas as contas, por ano, o Estado gasta com estes jovens – que praticaram crimes e têm menos de 16 anos mais de sete milhões de euros. Num recluso adulto, o custo médio diário ronda os 60 euros.»
«Os centros educativos destinam-se a todos os jovens entre os 12 e os 16 anos que cometem crimes e que em função da idade ficam sujeitos, em vez de uma medida de coação, a uma medida tutelar educativa.» Fonte: A bola

Onde se poderia fazer alguma coisa seria na escola, como afirma Luciane Manfro, responsável por um programa no Brasil que visa reduzir a violência escolar, envolvendo a comunidade, que diz que a

Indisciplina na escola gera violências mais graves. É o começo de tudo. (carregar link).

Apesar de os pais serem os principais responsáveis pela educação dos seus filhos, creio que estamos todos de acordo que a escola tem as suas obrigações nesta área.

Deve haver um investimento forte no combate à indisciplina nas escolas portuguesas, seja numa primeira fase, de prevenção, numa fase intermédia, intervenção e numa última fase a de repreensão, repressão.
Não podemos considerar a indisciplina como algo “normal”, não, não é normal, não é aceitável termos professores que, no desespero compreensível e sem apoio das estruturas escolares, desistam de ensinar! Cumprem o horário e ficam no deixa andar!
Os resultados desta situação, não só economicamente, mas sobretudo socialmente são catastróficos e tudo para se poupar meia dúzia de tostões agora na prevenção(escola), que poderiam ser recuperados através das coimas aplicadas aos pais dos prevaricadores, gasta-se em triplo mais tarde!

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.