Início Notícias Atraso no anúncio de medidas pode deixar creches sem crianças após reabertura

Atraso no anúncio de medidas pode deixar creches sem crianças após reabertura

3114
0

As creches ainda não conhecem as medidas de segurança que vão ter de adotar quando tiverem de abrir, a 18 de maio.

A falta de informação não só impede as creches de adquirir o que é necessário, como leva os pais a não ter confiança para deixarem os seus filhos nas creches. E sem a confiança dos pais, as creches não têm crianças, como explica Susana Baptista, presidente da Associação de Creches e Pequenos Estabelecimentos de Ensino Particular (ACPEEP), à Renascença.

“Queremos conhecer exatamente todas as regras necessárias de proteção e segurança. Não só porque precisamos de nos preparar e adaptar, como os pais das crianças precisam também de saber que medidas são essas para sentirem confiança a enviarem as suas crianças a 18 de maio. Não sabendo as regras, os pais têm receio e não vão mandar as crianças”, refere.

A ACPEEP receia que os pais optem por ficar em casa com os filhos, até ao final do mês, e assim continuar a receber apoios.

Pesa, também, o facto de a abertura dos jardins de infância, que recebem as criança com mais de três anos, só abrirem a 1 de junho. Este desfasamento poderá ser mais uma razão para levar os pais com filhos para as duas valências a optar por não mandarem o bebé para a creche, tendo, no entanto, de pagar a totalidade da mensalidade.

 

 

Fonte: RR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.