Início Editorial A Escola Ensina A Ser, Mas Não É Democrática!

A Escola Ensina A Ser, Mas Não É Democrática!

553
0

Estamos constantemente a pedir que a tutela deixe de ordenar e legislar sem que saia do gabinete, sem que saiba o que se passa efetivamente no terreno, sem que oiça, pelo menos, quem lá está diariamente!

No entanto, o que se passa nas escolas é precisamente o mesmo! Estive sensívelmente 6 horas em reunião com todo o departamento ao qual pertenço para adaptar/alterar os critérios ao E@A, por forma a que a avaliação do terceiro período fosse o mais justa e objetiva possível.

Foi, portanto, necessário alterar as ponderações, quer no peso que estas teriam no terceiro período, este ano, quer no peso que cada domínio teria, seja o Domínio cognitivo/cognitivo prático, seja no Domínio socioemocional (atitudes/valores).

Muito bem, lá discutimos os mais de 20 professores, argumento aqui, argumento acolá, olhando à especificidade do próprio ciclo, chegámos a uma proposta equilibrada e unânime.

Sei, não concordando, que estes documentos têm de ir a Conselho Pedagógico para serem aprovados, no entanto, estava, talvez o único, convencido que seria aceite em CP e aprovado pois estávamos a falar de um documento aprovado por mais de 30 professores que estão diariamente no terreno com as respetivas turmas, que conhecem de perto todas as dificuldades deste E@D, têm noção das dificuldades que os alunos e suas famílias tiveram a adaptar-se a este ensino e quiseram fazer uma avaliação honesta tendo em conta o presente cenário educativo.

No pós reunião de conselho, recebemos a notícia que a nossa proposta tinha sido rejeitada em pedagógico e que deveríamo-nos seguir pelo novo documento que tinha saído da reunião!

Ora, é exatamente disto que nos queixamos diariamente, quando nos impõem mudanças, impõem conteúdos excessivos, que nos impõem isto e aquilo sem nos ouvirem, mas na primeira oportunidade fazemos o mesmo aos colegas sem sequer reparar!

É por isso que considero que nós próprios não nos respeitamos uns aos outros e não respeitamos o nosso trabalho nem o dos colegas!

É por isto que discordo da forma antidemocrática com que são eleitos os diretores!

É por isso que digo que a escola, que tanto se apregoa que deve ser democrata, é um péssimo exemplo de democracia, de colaboração, cooperação e tem mesmo tiques de ditadora!

Os departamentos deveriam ser autónomos nas decisões, colaborativos mas autónomos, os diretores deveriam ser eleitos pelos seus pares (QE e QZP com X anos de Agrupamento) a democracia devia ser exercida na escola e não apenas ensinada!

 

João Barbosa

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.